Ex-mineiros da ERPM na Cidade de Maputo recebem indemnizações amanhã

Começa esta Terça-feira, 12 de Março 2019, e com término no dia 15 do mesmo mês, a quarta e última fase do processo de indemnização a 425 antigos trabalhadores moçambicanos da companhia mineira ERPM, da República da África do Sul (RAS), que declarou falência há cerca de dois anos, por razões económicas e financeiras.O processo visa o pagamento do restante montante de indemnização do processo, de 1.2 milhão de Rands (mais de 30 milhões de meticais) e decorrerá nas instalações do edifício-sede do Governo do Distrito de Marracuene, na Província de Maputo, com o início marcado para às 8:00 horas, juntando os ex-mineiros da Cidade e Província de Maputo, enquanto os abrangidos das Províncias de Gaza e Inhambane serão pagos nos dias seguintes.A Cidade de Maputo conta com 100 beneficiários no processo em referência, contra os 95 da Província de Maputo, todos eles a serem pagos em simultâneo, amanhã e depois de amanhã, no mesmo local, ou seja, na vila-sede do Distrito de Marracuene. Nas anteriores fases de indemnização foram desembolsados, no total, mais de cinco milhões de Rands.