Irregularidades laborais detedas na visita inspectiva à Bolloré Transport & Logistic Moçambique, SA,

   COMUNICADO DE IMPRENSA O Ministério do Trabalho, Emprego e Segurança Social, através da Inspecção Geral do Trabalho, levou a cabo uma visita inspectiva a empresa denominada Bolloré Transport & Logistic Moçambique, SA, localizada na Rua dos Desportistas, nº 833, na Cidade de Maputo, onde constatou, dentre várias irregularidades laborais, o emprego ilegal de 05 trabalhadores de nacionalidade estrangeiras, nomeadamente: Jason Scully, de nacionalidade sul-africana, Ladilia Benbahlouli, de nacionalidade francesa, Mathieu Mehdi Miloud Moussaif, de nacionalidade francesa, Joseph Netsai Marizani, de nacionalidade sul-africana, e Rui Manuel da Rocha Fernandes, de nacionalidade portuguesa.Estes cidadãos estrangeiros foram interpelados nesta empresa sem a devida autorização do Ministro que superintende a área do trabalho, violando o Regulamento dos Mecanismos e Procedimentos para Contratação de Cidadãos de Nacionalidade Estrangeira.O Ministério do Trabalho, Emprego e Segurança Social, suspendeu os cidadãos estrangeiros acima mencionados do seu exercício da actividade laboral naquela empresa, em virtude das suas admissões não estarem em conformidade com a lei e com os procedimentos aplicáveis.  IGT- Pela legalidade laboral  Maputo, 16 de Agosto de 2018